Duas novas universidades anunciam criação do curso de medicina


Famejipa e Estácio Unijipa vão ofertar mais de 70 vagas por ano

Porto Velho, RO
- Mais duas universidades anunciaram a criação do curso de medicina, nesta quarta-feira (23), em Ji-Paraná. Juntas, a Faculdade de Medicina de Ji-Paraná (Famejipa) e a Faculdade Estácio de Ji-Paraná (Estácio Unijipa) vão ofertar 78 vagas anuais para formação médica.

Na manhã desta terça-feira (22), o Centro Universitário São Lucas Ji-Paraná – AFYA havia confirmado a criação do curso de medicina na instituição, com 28 vagas por ano. A oficialização das três universidades contou com o apoio da Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa).

“Começa uma nova história, em que posso ter o privilégio de afirmar que Ji-Paraná não está mais na fila de espera, pois nosso município conta com o curso de medicina. Nossos estudantes, que sonham em ser médicos, agora têm essa oportunidade dentro de casa”, destacou o Prefeito Isaú Fonseca.

Em março, o Ministério da Educação publicou, no Diário Oficial da União, as portarias que autorizam a implantação do curso em três universidades de Ji-Paraná. Antes da autorização, o MEC realizou uma série de vistorias técnicas nas unidades de saúde da Semusa e também na estrutura das instituições de ensino.

A Famejipa vai oferecer 50 vagas anuais, por meio do Programa Mais Médicos, do governo federal, enquanto a Unijipa contará com outros 28 alunos por ano. As duas instituições de ensino integram o Instituto de Educação Médica (Idomed).

Na Famejipa, as aulas serão iniciadas já na próxima segunda-feira (28). O processo seletivo foi realizado com base nas notas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). A Unijipa dará início às aulas a partir do segundo semestre de 2022.

“É um marco histórico para Ji-Paraná. A Famejipa integra o Programa Mais Médico, em que o município foi selecionado para implantar 50 vagas de medicina e nossa instituição ganhou o processo seletivo para fornecer a infraestrutura para o curso”, explicou Fábio Cardoso, diretor regional do Idomed.

Das 50 vagas disponíveis, 30 foram abertas para o primeiro semestre de funcionamento, sendo que três delas são bolsas integrais, destinadas a alunos que, entre outras premissas, sejam nascidos e residentes de Ji-Paraná.

“Além da formação médica, também iremos melhorar o atendimento da saúde pública de Ji-Paraná. Os estudantes daqui vão poder estudar em casa, se formar e aqui e, futuramente, esses profissionais poderão atuar em nosso município”, comemorou Wanessa Oliveira e Silva, secretária da Semusa.

Depois de participar do anúncio oficial, que ocorreu no gabinete da Semusa, o Prefeito Isaú Fonseca foi convidado para conhecer as instalações da Famejipa, que fica localizada na rua Saul Benesby, bairro Jardim Aurélio Bernardi (1° distrito), no antigo Esporte Clube Saint Germain.

Segundo o diretor regional do Idomed, a Famejipa e a Unijipa estão totalmente equipadas com infraestrutura laboratorial completa, salas de aula, consultórios para simulação de atendimento médico e todos os equipamentos necessários para o desenvolvimento do curso.

Fonte: Decom Ji-Paraná

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu