CRÉDITO RURAL Bolsonaro deve sancionar crédito suplementar para o Plano Safra nesta quarta-feira, diz Tereza Cristina

Deputada Tereza Cristina. Foto: Arquivo/Canal Rural

Porto Velho, RO
A ex-ministra da Agricultura, deputada Tereza Cristina (PP-MS), disse nesta terça-feira (10), durante uma reunião na Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), que o presidente Jair Bolsonaro deve sancionar o Projeto de Lei do Congresso Nacional (PLN1/2022) nesta quarta-feira (11).

Entre vários pontos, a matéria destina R$ 868,5 milhões para a reabertura de linhas de crédito relacionadas ao Plano Safra 21/22.

Para Tereza Cristina, essa é uma vitória de toda a bancada que lutou pela aprovação e tem trabalhado de forma contínua para o sucesso do agronegócio brasileiro e do desenvolvimento do país.

“Trazer a notícia de que a redação final já está pronta no Ministério da Economia e a Lei às vias de ser sancionada nos traz a certeza de que mais um árduo trabalho foi concluído. Nossa intenção é fortalecer ainda mais quem trabalha pelo agro. E quem trabalha pelo setor, trabalha pelo bem do Brasil”, diz.

O deputado federal Domingos Sávio (PL-MG) enfatiza a importância do setor poder contar com o orçamento e das melhorias para quem trabalha na produção de alimentos.

“O PLN 1, dá condições de trabalho ao produtor, ele completa o orçamento, garantindo a liberação do crédito rural que está suspenso desde fevereiro. É, sem dúvida, fundamental para o agro brasileiro, do pequeno ao grande produtor, pois ele impacta na produção de alimentos no Brasil”, afirma.

De acordo com o Ministério da Agricultura, os recursos devem ser distribuídos também entre operações de custeio, comercialização e investimento, além de financiamentos no âmbito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

Fertilizantes

A reunião desta terça-feira na FPA também contou com a presença do embaixador do Brasil no Canadá, Pedro Henrique Lopes Borio.

Ele salientou que a visita da então ministra da Agricultura, Tereza Cristina àquele país, em março deste ano, foi fundamental para uma importante aproximação entre os países.

“Foi possível aprofundar o diálogo e tenho convicção que o agro como um todo será uma importante porta de entrada para novas conversas”, frisou.

Borio recordou, inclusive, que Tereza viajou com o intuito de garantir o envio de fertilizantes do Canadá para o Brasil, na oportunidade foram negociadas 500 mil toneladas do insumo. “Ela brincou que esperava sair com mais, mas foi uma conquista e tanto”, afirmou.

A deputada Tereza Cristina agradeceu a retribuição da visita e disse esperar mais retornos positivos entre os dois países. “Espero que tenha sido apenas o ponto de partida para que o Brasil e o Canadá continuem abertos ao diálogo”, encerrou.

Fonte: Canal Rural

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu