Evento no TST mostra leveza e até cordialidade


Cerimônia foi marcada pelo aperto de mãos entre Jair Bolsonaro e Alexandre de Moraes, além da leveza do anfitrião, ministro Emmanoel Pereira


Porto Velho, RO
- A solenidade desta quinta (19), no Tribunal Superior do Trabalho (TST), foi marcada pelo gesto simpático do presidente Jair Bolsonaro, estendendo a mão ao ministro Alexandre de Moraes, e também pela leveza do anfitrião, ministro Emmanoel Pereira. 

A certa altura, Pereira convidou Bolsonaro a condecorar ministros empossados. O presidente perguntou por onde deveria começar: “Pela direita?” O sorridente presidente da Corte respondeu, firme: “Sempre pela direita, presidente.”

Cara amarrada

Cordial, Bolsonaro usou a mão direita para fazer um gesto tipo “levanta aí”, e a estendeu a Moraes. Que manteve a cara amarrada.

Parecia duelo

Durante o evento, Moraes ficou sentado bem à frente de Bolsonaro, encarando o presidente. Lembrou cena de filme de bang-bang.

Nem te ligo

Bolsonaro contou certa vez que Moraes não abriu a boca quando foi ao Planalto com Edson Fachin para entregar convite à posse no TSE.

Aplaudidos


O momento arrancou aplausos da plateia que estava no plenário do TST, além de sorrisos (até de alívio) nas autoridades presentes.

Fonte: Por Cláudio Humberto

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu