Juízes vão a evento em Portugal com dinheiro de empresas com ações pendentes


O ministro do STF Ricardo Lewandowski vai fazer a palestra de abertura do evento.| Foto: Nelson Jr./STF


Porto Velho, RO
- Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), Superior Tribunal de Justiça (STJ), desembargadores e outros magistrados vão participar de um fórum em um resort em Algarve, em Portugal, tendo todas as despesas pagas por empresas que possuem litígios bilionários pendentes de julgamento. Segundo informação do Estadão, as demandas judiciais de patrocinadores do evento sob relatoria de ministros e juízes que irão a Portugal somam ao menos R$ 8,17 bilhões.

O fórum é organizado pelo Instituto Brasileiro da Insolvência (Ibajud), e conta com o patrocínio de diversas empresas, como um banco, empresas de investimentos, administradores judiciais e escritórios de advocacia que atuam na área de falências. São esses patrocinadores que vão custear as passagens, hospedagem e alimentação dos magistrados convidados para o evento, programado para a próxima segunda e terça-feira. Os magistrados ficarão em um hotel quatro-estrelas, com diárias em torno de € 200 (cerca de R$ 1 mil). Os quartos têm vista para a Praia de Vilamoura.

Segundo a programação do evento, a abertura contará com uma palestra do ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF). Também participam dos painéis os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) João Otávio de Noronha, Marco Buzzi, Paulo de Tarso Sanseverino, Moura Ribeiro, Raul Araújo, Ricardo Cueva, Ribeiro Dantas e Gurgel de Faria. Outros 14 magistrados, entre juízes de varas empresariais e de falências e desembargadores, estão relacionados como participantes.

Fonte: Por Gazeta do Povo

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu