PREÇO DO COMBUSTÍVEL Brasil pode receber diesel da Rússia em até 2 meses, diz Bolsonaro



Porto Velho, RO - O presidente Jair Bolsonaro disse esperar que os preços dos combustíveis tenham redução, no Brasil, caso seja fechado o acordo de compra de diesel da Rússia.

A declaração foi dada nesta segunda-feira (11), minutos antes de receber a visita da presidente da Hungria, Katalin Novák, no Palácio do Planalto, em Brasília.

Segundo o presidente, o acordo está quase fechado e primeira carga deve chegar nos próximos dois meses.

“Está acertado que em 60 dias [o diesel russo] já pode começar a chegar aqui. Já existe essa possibilidade. A Rússia continua fazendo negócios com o mundo todo”, disse Bolsonaro.
Presidente Bolsonaro

O presidente Bolsonaro também mencionou que existe uma expectativa de a Câmara dos Deputados colocar em votação, nesta terça-feira (12), a chamada PEC dos Benefícios.

Ele nega que seja uma proposta eleitoreira.

A proposta cria um voucher para caminhoneiros e taxistas e aumenta os valores do Auxílio Brasil e do Auxílio Gás.

O presidente disse que o Planalto está com uma boa relação com o Congresso.

Depois de receber a Presidente da Hungria, Katalin Novák, eleita em março, o presidente ofereceu um almoço oficial. Sobre o encontro, Bolsonaro disse que ambos têm “muita coisa em comum”, e que a visita não ocorreria “se não houvesse uma simpatia” entre as políticas dos dois.

Fonte: Por Agência Brasil

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu