Conheça Roberto Jefferson, candidato do PTB à Presidência da República


Ex-deputado Roberto Jefferson foi afastado em novembro de 2021 do comando do PTB por suspeita de usar recursos do partido para atacar o STF e as instituições| Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Porto Velho, RO
- Roberto Jefferson é o candidato do PTB à Presidência do República. O ex-deputado federal tem como foco de campanha a defesa da economia liberal e com valores conservadores à sociedade.

O PTB também definiu que o padre ortodoxo Kelmon Luís da Silva Souza será o candidato a vice-presidente na chapa. Kelmon é líder do Movimento Cristão Conservador do PTB e do Movimento Cristão Conservador Latino Americano.

Jefferson não se coloca como um candidato opositor ao presidente Jair Bolsonaro (PL) e diz que pretende encontrar votos em alguns nichos do eleitorado de direita, o que segundo o candidato evita uma maior abstenção eleitoral – fator que, segundo analistas, pode influenciar na definição da eleição no primeiro turno.

“O candidato de direita é desconstruído pela ação intensa de uma fauna de candidatos da oposição que se alterna em ataques e reunifica eleitores desgarrados de seu bloco esquerdista. Sou fã das ideias de Bolsonaro. Ele defende os mesmos valores e bandeiras do nosso PTB", declarou o ex-deputado em carta.

Jefferson atualmente está em prisão domiciliar, por decisão do ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal (STF). O ex-deputado é acusado de participar de uma milícia digital que realizou ataques contra instituições democráticas.

Outro aspecto que pode prejudicar a candidatura do ex-deputado é a Lei da Ficha Limpa. Em 2012, Jefferson foi condenado a 7 anos e 14 dias de prisão no processo do Mensalão – esquema de corrupção em que o petebista foi o principal delator e que consistia no pagamento de propina a parlamentares para que as votações no Congresso Nacional seguissem os rumos desejados pelo Governo Federal, na época presidido por Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Jefferson recebeu indulto do ministro do STF Luis Roberto Barroso, mas a Lei da Ficha Limpa estabelece um período de oito anos de inelegibilidade aos políticos condenados. Para o ex-deputado esse impedimento se encerra apenas em 2024, embora o candidato possa realizar campanha eleitoral normalmente nesse espaço de tempo.

A carreira política de Jefferson começou na década de 1970, quando se filiou ao MDB em 1971, permanecendo na legenda até 1980 para se juntar ao PP e posteriormente ao PTB, partido em que continua até os dias atuais. Naquele mesmo ano, iniciou carreira na televisão em veículos como a Rede Tupi e a TVS (atual SBT), como apresentador de programas populares, como O Povo na TV.

A notoriedade alçou Jefferson como político e, em 1982, ele foi eleito deputado federal. O parlamentar foi reeleito para cinco mandatos consecutivos, deixando a Câmara dos Deputados em 2005, após ser cassado pela Casa durante o processo do Mensalão.

Ficha do candidato


Nome: Roberto Jefferson

Vice: Kelmon Souza (PTB)

Partido: PTB

Idade: 69 anos

Data de nascimento: 14/06/1953

Ocupação: Advogado

Grau de Instrução: Superior completo

Estado Civil: Casado

Município de nascimento: Petrópolis/RJ

Fonte: Por Gazeta do Povo

Postar um comentário

0 Comentários

Close Menu